Presa a mãe da bebê de cinco meses morta por espancamento

Foto: Reprodução

Nesta terça-feira (21), em São Lourenço da Mata, a mãe da bebê de cinco meses, morta por espancamento foi presa, acusada pela participação da morte da filha. A acusada se chama Silvânia Maria Viana Sales, 25. No final da tarde, a mãe foi conduzida da delegacia para a Colônia Penal Feminina Bom Pastor, no bairro da Iputinga, no Recife.

O pai da criança, Augusto Silva da Cruz, 23, já se encontra preso no Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, desde a última sexta-feira (17), acusado pela companheira por ter cometido o homicídio.

O exame de corpo de delito identificou que a criança Débora Maria Sales da Silva, teve as costelas fraturadas. Segundo a mãe do bebê, o pai, não gostava da criança por ser uma menina, enquanto durante a gestação ele esperava um menino. Antes de ser preso, no Conselho Tutelar de Olinda, o Augusto assumiu que batia na filha junto a Silvânia, com socos.

O delegado do caso Diogo Santiago contou em entrevista ao Portal FolhaPE, que os responsáveis não tinham simpatia pela bebê. "Eles não tinham simpatia pela criança, faltava a empatia pela filha".

O delegado Diogo Santiago também informou que está acontecendo duas investigações envolvendo as mesmas pessoas. "A primeira é uma tentativa de homicídio, em março, quando tinha sido encontradas marcas de lesões na criança. A mãe justificava que era uma queda da cama. A segunda, é o homicídio consumado, no qual o pai e mãe estão sendo acusados."

Fonte: Portal Folha PE