Terremoto de 7,1 graus abala sul da California

Foto: Frederic J Brown / AFP

Um terremoto de 7,1 graus de magnitude sacudiu na noite da última sexta-feira (5) o sul da Califórnia, menos de 48 horas após um outro tremor ter abalado a mesma zona, informou o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS).

Segundo o USGS, o terremoto ocorreu às 20H19 local (00H19 Brasília de sábado) com epicentro situado a 17 km da pequena cidade de Ridgecrest.

O tremor da sexta (5) é o mais forte a atingir o estado nos últimos 20 anos, e supera o abalo de 6,4 graus que sacudiu a mesma zona na quinta-feira. O último terremoto foi sentido com força na região de Los Angeles, constataram jornalista da AFP na cidade.

Em Ridgecrest, cidade de 30 mil habitantes há 182 km de Los Angeles, existe uma base militar da Marinha americana, a Naval Air Weapons Station China Lake, onde em um amplo espaço deserto são testados bombas e mísseis. 

O abalo de quinta-feira (4) provocou "danos consideráveis" na base, com "incêndios e vazamento de água e de produtos perigosos", segundo uma oficial. 

O terremoto de 6,4 graus também deixou um número indeterminado de pessoas com ferimentos leves na zona, provocados sobretudo por vidros quebrados ou pela queda de objetos ou prateleiras em lojas, segundo o corpo de bombeiros do condado de Kern, onde Ridgecrest está localizada.

Os dois tremores fazem ressurgir o fantasma do "O Grande" (The Big One), um mega-terremoto potencialmente devastador que teme-se que golpeie em algum momento o oeste americano.

Fonte:  AFP