Sindicato denuncia que rato morto foi encontrado em pães do Sistema Prisional de Alagoas

Foto: Divulgação/ Sindapen

O Sindicato dos Agentes Penitenciários de Alagoas (Sindapen/AL) denunciou que um rato morto foi encontrado neste sábado (23) nos pães servidos aos presos e agentes penitenciários do Presídio Masculino Cyridião Durval e Silva, no Sistema Prisional em Maceió.

Segundo o vice-presidente do sindicato, Kleyton Anderson, o animal estava estava entre os pães que foram entregues nesta manhã. “Os pães são feitos na noite noite anterior e dormem na padaria. Pela manhã é feita a distribuição para os presídios”, relatou.

Kleyton Anderson disse que, no início deste ano, um acordo com o governo do estado decidiu pelo pagamento de um auxílio alimentação para que o próprio servidor compre sua comida, mas isso não aconteceu. “Não admitiremos mais ser tratados como lixo. Pois trabalhamos com excelência e entregamos ao governo o melhor sistema penitenciário do país, mesmo diante de tantas dificuldades como exemplo o baixo efetivo”, reclamou.

Por meio de nota, a Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) informou está apurando de que forma um rato foi encontrado entre os pães que seriam distribuídos. Segundo a secretaria, a suspeita é que o animal, que se encontrava morto, tenha acessado o recipiente usado na distribuição do alimento durante o procedimento de contagem dos pães, antes do transporte destes à referida unidade prisional.

A Seris disse ainda que, como medida preventiva, o setor de nutrição da secretaria suspendeu a distribuição de todos os pães, substituindo-os por biscoitos. E esclarece que cumpre rigorosamente todos os procedimentos necessários de higienização, manipulação e conservação dos alimentos fornecidos.

Fonte: G1 AL