Sobe para 25 o número de casos confirmados do novo coronavírus no país

Foto: Thomas Samson/AFP

Subiu para 25 o número de casos confirmados do novo coronavírus no país. Os dados foram divulgados neste domingo (8) por meio de plataforma do Ministério da Saúde.
Até sábado (7), eram 19 no país. Entre as novas confirmações, três ocorreram em São Paulo, uma no Rio de Janeiro, uma em Minas Gerais e uma em Alagoas.

Com a atualização, já são seis estados com casos confirmados: São Paulo (16), Rio de Janeiro (3), Bahia (2), Espírito Santo (1), Minas Gerais (1) e Alagoas (1). Há também um caso confirmado no Distrito Federal.

Um dos novos casos confirmados neste domingo ocorreu no Rio de Janeiro. É o terceiro registrado no estado, e o segundo na capital fluminense.

Trata-se de uma mulher de 42 anos que viajou à Itália junto com outra pessoa que também teve exame confirmado para o vírus. A secretaria classifica o caso como importado -ou seja, ocorreu fora do país.

Em São Paulo, entre os três novos registros, dois são de pacientes com histórico de viagem à Itália e Japão. O outro é de uma pessoa que teve contato com um caso confirmado, ou seja, teve contágio dentro do país.

Nos últimos dias, ao menos dois estados já tiveram registros de transmissão local: São Paulo e Bahia. Isso significa que a infecção ocorreu em pessoas sem histórico de viagem ao exterior, por meio de contato com outros pacientes.

A transmissão, porém, ainda é restrita a pessoas com vínculo entre si, diz o ministério. Não há registro de transmissão sustentada no país -termo usado para definir os casos em que não há como identificar a origem da infecção.

Além dos casos já confirmados, balanço do Ministério da Saúde também mostra 663 registros de atendimentos na rede de saúde em etapa de exames para investigar uma possível infecção pelo novo coronavírus.

Entram nessa lista casos de pacientes com febre e outros sintomas respiratórios (como tosse e dificuldade para respirar) e histórico de viagem nos últimos 14 dias a América do Norte, Europa e Ásia, além de outros países como a Austrália.

Protocolo da rede de saúde prevê que eles passem inicialmente por exames para vírus respiratórios mais comuns. Se negativo, o teste é feito para o coronavírus. A partir desses dados, ao menos 632 casos já foram descartados.

Em geral, a maioria dos pacientes com casos confirmados está em isolamento domiciliar e tem quadro estável, de acordo com informações fornecidas pelos estados.

No Distrito Federal, uma paciente com coronavírus está internada em área isolada da UTI do Hospital Regional da Asa Norte em estado grave. De acordo com a secretaria de saúde, doenças crônicas preexistentes podem ter agravado o quadro.

Neste domingo, ela teve discreta melhora do quadro respiratório, informa a secretaria, mas ainda respira com ajuda de aparelhos.

Fonte: Folhapress