Pesquisadores da UFPE detectam perfis imunológicos brasileiros capazes de dar melhor resposta à infecção por Covid-19

Foto: NIAID-RML/Handout via Reuters

Pesquisadores dos departamentos de genética e de patologia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), em parceria com IRCCS Materno Infantile Burlo Garofolo, da Itália, identificaram moléculas que têm capacidade de identificar fragmentos do novo coronavírus e ativar o sistema imunológico de um indivíduo. Publicado no Journal of Clinical Pathology, o estudo pode ajudar no desenvolvimento de vacinas contra a Covid-19.

Durante o trabalho, os pesquisadores constataram que existem fatores intrínsecos do genoma de uma pessoa infectada que atuam contra o vírus, mas nem todos os indivíduos têm esses fatores. Quem tem, no entanto, pode estar mais protegido contra as formas mais graves e perigosas da doença.

De acordo com o pesquisador e geneticista Ronald Moura, o estudo selecionou 30 tipos do Antígeno Leucocitário Humano (HLA), um tipo de molécula capaz de ativar o sistema imunológico de um indivíduo. Os tipos de HLA escolhidos, chamados de alelos, podem ser encontrados em 70% da população brasileira, em média.

“No caso de um vírus, essa molécula vai reconhecer ‘pedaços’ dele, não precisa ser o vírus inteiro, e ativar o sistema imunológico”, explicou Moura.

A partir do estudo do HLA, a pesquisa consistiu em descobrir quais epítopos, ou seja, quais “pedaços” do Sars-Cov-2, o novo coronavírus, podem ativar essa molécula e, consequentemente, o sistema imunológico de uma pessoa. Ao todo, foram detectados 24 fragmentos do vírus que interagiram com 17 tipos diferentes do HLA, típicos da população brasileira.

“A gente usou várias técnicas, vários métodos de bioinformática, e conseguimos vários fragmentos da proteína do novo coronavírus. Identificamos 24 epítopos que são altamente imunogênicos, ou seja, podem ser identificados pelo HLA. Isso não quer dizer que a gente seja exatamente imune ao vírus, mas a gente pode desenvolver sintomas mais brandos, por exemplo”, explicou o pesquisador.

Ainda segundo Moura, a pesquisa, publicada em agosto, pode ajudar no desenvolvimento de vacinas. “É possível, a partir desses 24 epítopos, desenvolver vacinas e aí, sim, treinar nosso sistema imune para quando tiver contato com o vírus, a gente estar protegido”, afirmou o pesquisador.

Fonte: G1 PE

Mulher morre após carreta com carga de margarina tombar em Junqueiro, AL

Foto: Ascom/ PRF

Uma mulher morreu após uma carreta com carga de margarina tombar na Ladeira do Pau Ferro, em um trecho da BR-101 no município de Junqueiro, Agreste de Alagoas. O acidente aconteceu na manhã desta quinta-feira (24). A identidade da vítima não foi divulgada.

De Acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), acionada para a ocorrência, a mulher que morreu era passageira da carreta.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e constatou a morte da vítima. Uma segunda vítima com escoriações leves foi atendida no local, mas recusou ser transportada para uma unidade de saúde.

Ainda de acordo com a PRF, parte da carga de margarina foi saqueada. O acidente não bloqueou o trânsito da região.

Fonte: G1 AL

Após denúncia anônima, PM flagra dupla que transportava droga em ônibus no interior da BA

Foto: Divulgação/PRE

Um casal foi detido com 91 tabletes de uma substância análoga à maconha na noite de terça-feira (22), na BR-030, quando passava pelas imediações da cidade Brumado, no sudoeste da Bahia.

A Polícia Militar chegou até o local após ter recebido uma denúncia anônima informando o nome e as poltronas onde estavam os suspeitos. A dupla seguia o itinerário Guanambi/Salvador, em um ônibus intermunicipal.

Na abordagem, os policiais sentiram o odor da droga no compartimento de bagagens. Ao abrir as malas, constataram os tabletes da droga envoltos com fita adesiva.

Segundo a polícia, os dois suspeitos são de São Paulo, têm 21 e 27 anos e não tiveram a identidade divulgada. Além da droga, a PM encontrou com os suspeitos dois telefones celulares e uma quantia de dinheiro em espécie.

O casal foi encaminhado à 20º Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), em Brumado, e o material foi levado para perícia.

Fonte: G1 BA

Assistir Filme Karatê Kid 3 O Desafio Final Dublado 1989

FICHA TÉCNICA
Título Original: The Karate Kid, 3
Ano de Lançamento: 1989
Gêneros: Ação, Clássico, Drama
Idioma: Português
Duração: 112 Minutos
Qualidade de Áudio: 10
Qualidade de Vídeo: 10

Sinopse: Em Los Angeles, Daniel (Ralph Macchio) é desafiado por um lutador de karatê que quer também destruir seu mestre, Miyagi (Pat Morita). Inicialmente ele reluta em aceitar o desafio, mas termina sendo obrigado a aceitá-lo. Porém, desta vez ele não poderá contar com o apoio de Miyagi, que se recusa a treiná-lo argumentando que o karatê é para defender a honra e a vida e não para se obter títulos e troféus.






PLAYER PRINCIPAL



CELULAR




BLOG JORNAL PRIMEIRA HORA

Empresária que combate o racismo é a mulher mais rica do Brasil

Foto: World Economic Forum/Benedikt von Loebell

Dona da rede de lojas Magazine Luiza, a bilionária Luiza Trajano viu o seu patrimônio aumentar 181% de um ano para o outro e atingir R$ 24 bilhões. Ela ocupa a 8ª posição na lista da revista Forbes, sendo a única mulher entre os top 10 da lista de bilionários. O número de mulheres na lista da Forbes passou de 33 para 46 de 2019 para este ano. O ranking de bilionários brasileiros em 2020 tem 238 nomes. Os dados foram publicados pelo portal Uol.

O Magalu, Magazine Luiza, ocupou na última semana o centro dos debates sobre o racismo no Brasil depois que anunciou um processo de contraração de trainees exclusivo para negros e negras. Luiza Trajano é uma empresária tradicionalmente ligada às causas progressistas no país, tendo apoiado os governos do PT e a luta contra o racismo. 

De acordo com a revista Forbes, a valorização do Magazine Luiza foi alavancada pela estratégia de inovação digital da companhia e investimento no e-commerce. A rede de lojas também adquiriu Netshoes e três plataformas digitais de mídia: a Canaltech, a Unilogic Media e a InLoco Media. 

Luiza Trajano atua como presidente do conselho de administração da companhia. 

Veja agora as 10 primeiras mulheres do ranking da Forbes: 

8º) Luiza Trajano (Magazine Luiza): R$ 24 bilhões 

14º) Dulce Pugliese de Godoy Bueno (Amil): R$ 16,34 bilhões 

28º) Flávia Bittar Garcia Faleiros (Magazine Luiza): R$ 11,46 bilhões 

32º) Miriam Voigt Schwartz (Weg): R$ 10,77 bilhões 33º) Cladis Voigt Trejes (Weg): R$ 10,66 bilhões 

34º) Valsi Voigt (Weg): R$ 10,56 bilhões 44º) Maria Helena Moraes Scripilliti (Votorantim): R$ 9,46 bilhões 

50º) Ana Lúcia Barretto Villela (Itaú Unibanco): R$ 8,74 bilhões 

53º) Camilla de Godoy Bueno Grossi (Amil e Dasa): R$ 8,5 bilhões 

66º) Lily Safra (Banco Safra): R$ 6,76 bilhões

Fonte: Brasil 247

Durante operações, polícia erradica mais de 80 mil pés de maconha no Sertão de PE

Foto: Polícia Federal

A Polícia Federal divulgou um balanço de três operações conjuntas, feitas com as Polícias Civil e Militar, realizadas nos dias 9, 11 e 18 de setembro, nos municípios de Santa Maria da Boa Vista, Carnaubeira da Penha e em ilhotas do rio São Francisco, no Sertão de Pernambuco, resultou na destruição de cerca de 80,3 mil pés de maconha. As operações constantes trata-se de mais um desdobramento percursor da Operação Muçambê

Durante as operações, também foram destruídas 18.640 mudas, 30,5Kg de maconha pronta para o consumo, 4Kg de sementes. Um suspeito de 22 anos foi preso no dia 11, que estava cultivando uma plantação da droga. Ele é natural de Itaíba, PE, e mora em Santa Maria da Boa Vista. O jovem possui antecedentes por roubo e tráfico.

Segundo a Polícia, em depoimento o suspeito negou envolvimento com o cultivo da maconha, mas as circunstâncias (como as mãos sujas do vegetal) apontaram para ser o responsável pela plantação e colheita. Ele foi autuado por tráfico de drogas, teve sua prisão preventiva confirmada na audiência de custódia e depois foi encaminhado para a Cadeia Pública de Salgueiro, onde ficará à disposição da justiça. Caso seja condenado, poderá pegar penas que variam de cinco a 15 anos de prisão.

A polícia informou que, caso os 80,3 mil pés de maconha fossem colhidos, prensados e colocados para venda, daria para produzir 27 toneladas da droga.

Fonte: G1 Petrolina

Traficante Elias Maluco é encontrado morto em presídio federal no PR

Foto: Reprodução

O traficante Elias Pereira da Silva, o Elias Maluco, foi encontrado morto em sua cela na Penitenciária Federal de Catanduvas, oeste do Paraná, na tarde desta terça-feira (22).

O Depen (Departamento Penitenciário Nacional) confirmou a informação da morte do traficante, mas não deu mais detalhes sobre as circunstâncias do caso.

Segundo o órgão, o local foi preservado até a chegada da Polícia Federal, acionada para fazer a perícia. A família já foi comunicada da morte pelo serviço social da unidade prisional, de acordo com o Depen.

"O Depen informa, ainda, que preza pelo irrestrito cumprimento da Lei de Execução Penal e que todas as assistências previstas no normativo são garantidas aos privados de liberdade que se encontram custodiados no Sistema Penitenciário Federal", completou o órgão em nota.

Elias foi condenado em quatro processos distintos, um deles pela morte do jornalista Tim Lopes, sobre a qual cumpria pena de 28 anos e seis meses de prisão. Ele ainda respondia por tráfico de drogas e associação para o tráfico, além de lavagem de dinheiro.

Fonte: Folhapress

Blogueiro investigado mantinha grupo com deputados bolsonaristas

Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

São Paulo - O blogueiro Allan dos Santos, apontado como autor de mensagens em que sugere 'a necessidade de uma intervenção militar', mantinha um grupo de WhatsApp com deputados bolsonaristas e "outras pessoas de baixo escalão do governo" - as conversas resultavam em reuniões na residência do blogueiro, no Lago Sul, em Brasília.

As informações constam em três depoimentos colhidos pela Polícia Federal e obtidos pelo Estadão: do assessor parlamentar Tércio Arnaud Tomaz, apontado como integrante do gabinete do ódio, e do deputado federal Paulo Martins (PSC-PR). Ambos confirmaram as conversas virtuais e as reuniões organizadas por Allan.

Uma terceira oitiva, feita com o youtuber Adilson Nelseu Dini, do canal Ravox Brasil, também informou sobre a realização de "encontros", "muitas vezes de confraternização", na casa de Allan por "pessoas que comungam a ideia de apoiamento ao presidente Jair Bolsonaro" - entre os participantes estaria o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). O parlamentar prestará depoimento no inquérito no próximo dia 23.

"Os encontros, muitas vezes de confraternização, envolvendo amigos e pessoas que comungam a ideia de apoiamento ao presidente Jair Bolsonaro, que já ocorreram na casa de Allan, situada no Lago Sul em Brasília, onde algumas vezes participou Eduardo Bolsonaro, não é conhecido, e nem pode ser chamado, de ‘gabinete do ódio'", afirmou Dini à PF.

Apesar do depoimento de Dini ter sido o primeiro a informar sobre "encontros" na casa do blogueiro, foi a oitiva de Tércio Tomaz que confirmou que algumas reuniões no local eram organizadas por meio de WhatsApp. O assessor especial disse à PF que Allan o adicionou em um grupo criado "para que pudesse se reunir" semanalmente na residência do blogueiro "para discutir temas relacionados ao governo federal com pessoas que estão dentro do governo".

Tomaz afirmou que nunca participou dos encontros, mas que continuou no grupo "como forma de se informar de temas de interesse". "Indagado quem participava desse grupo, respondeu que se recorda de Paulo Eduardo Martins, Daniel Silveira (Deputado federal pelo PSL-RJ) e outras pessoas de baixo escalão do governo", apontou a PF. Silveira prestará depoimento nesta segunda, 21.

As reuniões na casa de Allan dos Santos com parlamentares da base do governo também foram confirmadas pelo deputado federal Paulo Martins (PSC-PR), ouvido na última terça. Ele disse à PF que integrou um grupo no WhatsApp chamado Gengis House e que "acredita ter participado" de um único encontro na casa do blogueiro. Estavam presentes, segundo ele, os deputados Bia Kicis (PSL-DF) e Filipe Barros (PSL-PR).

Por fim, Martins disse que Allan "conhece pessoas do governo e por isso tem canais para ser ouvido". O blogueiro foi descrito como uma "figura importante, possuindo condições de propor política de interesse de seu grupo de apoio".

Mensagens obtidas pela PF e reveladas pelo Estadão mostram que Allan defendeu a necessidade de um golpe militar ao tenente-coronel Mauro Cid, chefe da Ajudância de Ordem da Presidência. Após a publicação da reportagem do Estadão, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ)reclamou da divulgação dos depoimentos. O filho do presidente - que já foi ouvido no inquérito - escreveu: "Atos antidemocráticos são meus ovos na goela de quem inventou isso!"

Fonte: Estadão Conteúdo

Pedagoga é agredida com soco em abordagem da PM em Macapá

Foto: Arquivo pessoal/Eliane Silva

RIBEIRÃO PRETO, SP (FOLHAPRESS) - Uma pedagoga negra de 39 anos foi agredida com um soco durante uma abordagem policial na noite da última sexta-feira (18) em Macapá. O policial foi afastado de suas funções.

O caso aconteceu na zona norte da capital do Amapá. Enquanto dois homens de sua família eram revistados por dois policiais -com um terceiro PM armado no meio da rua-, a pedagoga Eliane Silva estava do outro lado da rua filmando a ação.

Um dos policiais deixa o local em que estava, atravessa a rua e diz à mulher que ela está presa. Em seguida, tenta retirar algo das mãos dela e lhe passa uma rasteira. Eliane resiste, mas segundos depois, é jogada ao chão.

Com a mulher caída, o policial militar dá um soco em seu rosto e ela começa a gritar. Depois, Eliane foi levada à delegacia, presa por resistência e desacato, e solta após o pagamento de fiança. A reportagem não conseguiu ouvi-la neste domingo (20).

A abordagem foi filmada por moradores na zona norte da capital do Amapá. A ação gerou críticas de movimentos sociais, que marcaram um ato para terça-feira (22) em frente ao batalhão da Polícia Militar.

O governador Waldez Góes (PDT) disse que a agressão foi covarde e envergonha as forças de segurança e o Amapá. "A cena fica ainda pior pois é recheada de atitudes racistas", disse ele.
Segundo Góes, o fato é isolado e não reflete a atuação dos policiais militares do estado. 

Determinei ao Comando Geral da Polícia Militar uma apuração criteriosa e rápida dos fatos mostrados no vídeo. Cenas como essa não podem ser toleradas e não podem se repetir."

A taxa de homicídios de negros no país saltou 11,5% de 2008 a 2018 (de 34 para 37,8 por 100 mil habitantes), enquanto a morte de não negros caiu 12,9% no mesmo período (de 15,9 para 13,9 por 100 mil), de acordo com o Atlas da Violência 2020.

O mesmo padrão é repetido entre as mulheres: o assassinato de negras cresceu, e o de brancas caiu. O estudo foi elaborado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública e pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) com dados do Sistema de Informação sobre Mortalidade, do Ministério da Saúde.

A PM do Amapá, por meio de nota, disse lamentar "profundamente as imagens que estão circulando" e que tomou todas as providências que o caso requer.

Foi instaurado um procedimento administrativo pela Corregedoria Geral da PM para apurar a conduta dos policiais envolvidos na abordagem. "A instituição informa também que, assim que tomou ciência das imagens, imediatamente afastou o policial militar envolvido nas agressões físicas do serviço policial."

De acordo com a polícia, as abordagens devem respeitar a integridade física e a dignidade das pessoas e a corporação se disse "contra qualquer tipo de violência praticada ao cidadão". Em resposta numa rede social a uma pessoa que disse que a atitude envergonha as forças de segurança, a PM respondeu: "Estamos muito envergonhados. Lamentamos profundamente".

Fonte: Marcelo Toledo/Folhapress

Assistir Filme Karatê Kid 2 A Hora da Verdade Continua Dublado 1986

FICHA TÉCNICA
 Karatê Kid 2  A Hora da Verdade Continua 
Título Original: The Karate Kid Part II BluRay
Ano de Lançamento: 1986
Gêneros: Ação, Aventura, Clássico, Luta
Idioma:   Português
Duração: 1h 53 Minutos
Qualidade de Áudio: 10
Qualidade de Vídeo: 10

Sinopse:  Daniel LaRusso (Ralph Macchio) viaja rumo ao Japão juntamente com seu mestre, Miyagi (Pat Morita), cujo pai está entre a vida e a morte. Lá ele se envolve com um antigo inimigo de seu querido mentore, que tentará se vingar dele mais uma vez. Daniel encontra um novo amor no oriente, mas também faz alguns rivais.





PLAYER PRINCIPAL



CELULAR




BLOG JORNAL PRIMEIRA HORA

Condenado pela "Barbárie de Queimadas' é assassinado a tiros na Paraíba

Foto: Reprodução

Um dos homens condenados pelo estupro coletivo que ficou conhecido como a "Barbárie de Queimadas", foi assassinado a tiros, na madrugada deste domingo (20), no município. Jacó Sousa estava em uma barraca de espetinho, bebendo com amigos, quando homens armados chegaram no local e efetuaram disparos contra a vítima.

O Samu chegou a ser acionado, mas apenas constatou o óbito. A Polícia informou que vai trabalhar com duas hipóteses: vingança ou algum problema registrado nos oito anos que ele permaneceu preso.

O crime de Queimadas aconteceu em 2012, no estupro de cinco mulheres e no assassinato de duas delas. Jacó tinha sido condenado a 30 anos de prisão, havia cumprido oito deles no presídio de Segurança Máxima PB1, em João Pessoa, e estava em liberdade condicional há dois meses quando retornou a Queimadas.

O caso será investigado. 

Fonte: Clickpb

Obrigatório: Dez alimentos que tem de ter sempre em casa

DR

Desde sempre que ingerir uma alimentação saudável é essencial para a manutenção da saúde e para evitar o desenvolvimento de doenças. Se em outros séculos o grande problema era a desnutrição, atualmente domina a obesidade, sobretudo nos países desenvolvidos, conforme reporta um artigo publicado na BBC News. 

Apesar dos alimentos não constituírem por si mesmos uma 'poção mágica', é indiscutível a importância de comer bem, e os benefícios que ingerir uma dieta equilibrada e nutritiva implica para ter um corpo saudável. 

Sendo que um regime alimentar equilibrado deve incluir todos os nutrientes fundamentais, nomeadamente: proteínas, hidratos de carbono, minerais, gorduras, vitaminas e água, explica a BBC. 

Mais ainda, os especialistas já detectaram a existência de determinados nutrientes e substâncias em certos alimentos, que têm um efeito significativamente mais protetor para o organismo. 

E por isso mesmo, pesquisadores da Universidade de Valladolid, na Espanha, publicaram o livro "101 Alimentos Saudáveis para se ter em Casa", e estes são os dez primeiros:


  • Tomate;
  • Pimentão;
  • Grão-de-bico;
  • Peru;
  • Sardinha;
  • Mirtilos;
  • Manga;
  • Uvas;
  • Azeite;
  • Mel.

Já sabe o que deve comprar na sua próxima ida ao supermercado.

Fonte: Notícias ao Minuto

PF intima Moro a depor como testemunha no inquérito dos atos antidemocráticos

AFP

Brasília - O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro foi intimado a depor nesta sexta-feira, 18, no inquérito do Supremo Tribunal Federal que apura a organização e financiamento de atos antidemocráticos. O pedido partiu da Polícia Federal, que também solicitou oitivas com o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ).

Moro será ouvido na condição de testemunha no dia 2 de outubro, na Superintendência da Polícia Federal de Curitiba. A oitiva foi motivada em razão do ex-juiz da Lava Jato ter ocupado o cargo de ministro da Justiça e Segurança Pública na época dos fatos solicitados.

Segundo o Estadão apurou, o depoimento não foi solicitado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) - tal como ocorreu com as intimações da PF a Eduardo e Carlos Bolsonaro.

O inquérito tramita em sigilo no Supremo e já fechou o cerco sobre deputados, youtubers e influenciadores bolsonaristas. No último dia 10, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, prestou depoimento no caso.

À PF, Carlos disse que nunca utilizou verba pública para manter canais perfis em redes sociais e que não é "covarde ou canalha" para contratar "robôs" para difundir conteúdo e omitir essa informação, em referência a programas que criam perfis falsos e compartilham postagem de forma automatizada.

"Perguntado se se utilizou de robôs para impulsionamento de informações em redes sociais envolvendo memes ou trabalhos desenvolvidos pelo governo federal, respondeu que "jamais fui covarde ou canalha ao ponto de utilizar robôs e omitir essa informação", disse ele, segundo documento da PF ao qual o Estadão teve acesso.

Em junho, o relator do inquérito, ministro Alexandre de Moraes, afirmou que as investigações da Procuradoria-Geral da República (PGR) apontam a "real possibilidade" de atuação de associação criminosa voltada para a "desestabilização do regime democrático" com o objetivo de obter ganhos econômicos e políticos. A observação consta em decisão de quebra de sigilo decretada pelo ministro no inquérito que apura o financiamento de atos antidemocráticos.

"Os indícios apresentados na manifestação apresentada pela Procuradoria-Geral da República confirmam a real possibilidade de existência de uma associação criminosa", escreveu Moraes, em decisão que autorizou buscas e apreensões contra apoiadores do governo. O sigilo bancário de dez deputados e um senador, todos bolsonaristas, já foi quebrado no caso. Carlos e Eduardo não foram alvos dessas medidas.

Moraes é responsável por um outro inquérito, que se debruça sobre ameaças, ofensas e fake news disparadas contra integrantes do STF e seus familiares. Como Moraes é relator dos dois processos, um inquérito está subsidiando as investigações do outro.

COM A PALAVRA, A DEFESA DO EX-MINISTRO SÉRGIO MORO

"Nesta 6ª feira (18/9), a defesa do ex-ministro Sergio Moro recebeu intimação para que ele preste depoimento, na condição de testemunha, no âmbito do inquérito 4828, que tramita no Supremo Tribunal Federal (STF). A oitiva é motivada em razão de ele ter ocupado, à época dos fatos, a titularidade do Ministério da Justiça e Segurança Pública. O depoimento deve ocorrer em 2 de outubro, às 13h, na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba.

Rodrigo Sánchez Rios, advogado de Sergio Moro"

Fonte: Estadão Conteúdo

Fluminense joga mal, mas sai com vantagem sobre o Atlético-GO na Copa do Brasil

LUCAS MERÇON / FLUMINENSE/Divulgação

Em uma noite sofrível para a pobre bola, que foi muito mal tratada, o Fluminense saiu em vantagem contra o Atlético Goianiense, na noite desta quarta-feira, no Maracanã, no compromisso de ida da quarta fase da Copa do Brasil. Sem inspiração de seus principais jogadores, a equipe do técnico Odair Hellmann venceu por 1 a 0, num gol contra meio bizarro do zagueiro João Victor.

Com o resultado, o Tricolor das Laranjeiras joga por qualquer empate ou vitória na partida de volta, já na próxima quinta-feira, em Goiânia. Se o Dragão devolver o placar, a disputa da vaga será nos pênaltis. O gol marcado fora de casa não é mais critério de desempate.

Quem avançar, além de se manter vivo na briga por um título importante, embolsa R$ 2,4 milhões de bônus. 

Bem organizado e com a estratégia de anular as principais peças do Time de Guerreiros, o Dragão congestionou o meio e realmente criou inúmeras dificuldades para os homens de frente dos donos da casa. Principal nome do Fluminense, o apoiador Nenê foi o único que levou perigo ao gol de Jean com uma cobrança de falta venenosa, defendida pelo goleiro.

No segundo tempo, ainda com a marcação muito forte, o Atlético Goianiense tentou surpreender saindo em alta velocidade nos contra-ataques. No entanto, a afobação do time atrapalhou os planos de abrir o placar no Maracanã. Aos 31 minutos, quando a partida estava sonolenta e sem nenhuma perspectiva de melhora, o zagueiro João Victor jogou contra o próprio patrimônio depois de um escanteio da esquerda: 1 a 0. Apesar da correria das duas equipes, o futebol pobre permaneceu até o fim.

Fonte: O Dia/MH

IBGE: fome aumenta 43,7% em 5 anos e segurança alimentar dos brasileiros piora

AFP

Brasília - Mais de um terço da população brasileira apresentou algum grau de insegurança alimentar no biênio 2017-2018, maior índice registrado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) desde 2004, quando o levantamento foi feito pela primeira vez. A pior situação está no Norte e no Nordeste, onde menos da metade das casas tinha garantia de alimento.
Segundo o estudo, 84,9 milhões de brasileiros - de uma população estimada em 207,1 milhões - moravam em domicílios com algum grau de insegurança alimentar em 2017 e 2018. Do total, 10,3 milhões enfrentavam insegurança alimentar grave - não tinham acesso suficiente a alimentos e passavam fome, incluindo crianças. O aumento foi de 43,7% desde a pesquisa anterior, em 2013.

Os números fazem parte da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2017-2018: Análise da Segurança Alimentar no Brasil, divulgada pelo IBGE nesta quinta-feira, 17. Foi a primeira vez na série histórica que houve queda nos níveis de segurança alimentar dos brasileiros. É considerado em insegurança alimentar um domicílio que apresenta incerteza quanto ao acesso de comida no futuro ou que já apresentou redução de quantidade ou qualidade dos alimentos consumidos.

Quanto maior o índice de insegurança alimentar, menor é o consumo por pessoa de hortaliças, frutas, produtos panificados, carnes, aves, ovos, laticínios, açúcares, doces e produtos de confeitaria, sais e condimentos, óleos e gorduras, bebidas e infusões, além de alimentos preparados e misturas industriais. A preferência, nesses casos, é por cereais e leguminosas, farinhas, féculas e massas, e pescados. A compra de arroz e feijão é maior nos domicílios que apontam dificuldade no acesso a alimentos em relação àqueles que não apresentam.

Foi a primeira vez que o índice de segurança alimentar no Brasil apresentou queda. Em 2004, 65,1% da população do País dizia ter acesso garantido à alimentação. O número passou para 69,8% em 2009 e para 77,4%, em 2013. Na mais pesquisa mais recente, porém, caiu para 63,3%.

Gerente da Pesquisa de Orçamentos Familiares do IBGE, André Martins vê como uma das prováveis causas da queda a grave crise econômica pela qual passava o País. "Muitas pessoas passaram da segurança alimentar para uma insegurança alimentar leve", comentou.

A situação mais grave é vista no Norte do Brasil, onde apenas 43% dos domicílios tinham acesso garantido a alimento. No Nordeste a situação era um pouco melhor, mas ainda assim não chegava à metade das residências (49,7%). A Região Sul, por sua vez, apresentava os melhores porcentuais (79,3%), seguida da Sudeste (68,8%) e Centro-Oeste (64,8%).

Uma outra pesquisa, divulgada no final de agosto pelo Unicef mostrou um cenário semelhante. Em meio à pandemia, um em cada cinco adultos não teve dinheiro para comprar mais comida quando o alimento de casa acabou.

O estudo mediu os impactos da covid-19 em crianças e adolescentes, em três aspectos: segurança alimentar, renda familiar e acesso à educação. O levantamento mostrou que, das famílias em insegurança alimentar, 27% afirmaram ter passado por pelo menos um momento em que os alimentos acabaram e não tiveram como repor, enquanto 8% deixaram de fazer alguma refeição por falta de dinheiro.

Além disso, o aumento no preço do arroz durante esse período da pandemia impôs uma nova dificuldade às famílias. Um pacote de cinco quilos de arroz, que normalmente custa R$ 15, chegou a custar R$ 40. O governo federal descartou um tabelamento para combater a alta de preços do produto e disse que trabalha para que o cenário volte à normalidade.

Os pesquisadores do IBGE também perguntaram uma avaliação aos entrevistados sobre seus padrões de alimentação, moradia, saúde e educação. Quase a metade (49,7%) das famílias que relataram sentir insegurança alimentar grave classificaram como ruim o seu padrão de saúde, enquanto quase dois quintos (33,9%) dessas famílias avaliaram como ruim o seu padrão de alimentação.

Fonte: Estadão Conteúdo

Menino de 3 anos morre e irmã dele de 8 anos sofre queimaduras em incêndio dentro de casa

Foto: Ana Regina/TV Globo

Um menino de 3 anos morreu e a irmã dele, de 8 anos, ficou gravemente ferida em um incêndio ocorrido na casa da família, no bairro do Cordeiro, na Zona Oeste do Recife. O fato ocorreu no início da manhã desta quarta-feira (16) e está sendo investigado pela Polícia Civil.

O incêndio, que não teve as causas divulgadas, aconteceu na Rua Rufino Manoel Caetano, por volta das 6h. Com muitas queimaduras, a menina, segundo a polícia, foi levada para o Hospital da Restauração (HR), no Derby, na área central da cidade.

A Secretaria Estadual de Saúde informou, no início da tarde desta quarta, que o estado de saúde dela era gravíssimo. A criança estava entubada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com queimaduras de segundo e terceiro graus.

A polícia informou que o caso foi registrado como “morte a esclarecer”. O Instituto de Criminalística e o Instituto de Medicina Legal (IML) foram acionados para a ocorrência. O incêndio será investigado pela Delegacia do Cordeiro.

Por meio de nota, o Corpo de Bombeiros informou que foi acionado para debelar chamas na residência.

Ainda segundo a corporação, às 06h11, a mulher do homem que fez a solicitação da equipe informou que as chamas tinham sido apagadas.

Às 06h12, disse o Corpo de Bombeiros, "em virtude da informação anterior, foi cancelado o envio da viatura dos Bombeiros". Por isso, não houve atuação dos militares.

Fonte: G1 PE

Filho mata pai após discussão no Assentamento Conceição em Santa Maria da Boa Vista

Foto: Reprodução/ Google

Um homem de 48 anos foi morto a facadas pelo filho, no Assentamento Conceição, na Zona Rural de Santa Maria da Boa Vista, no Sertão de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, o crime ocorreu na tarde de terça-feira (15). Após uma discussão, o jovem de 22 anos desferiu vários golpes de faca no pai, que não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

O jovem está foragido. O caso está sendo conduzido pela delegacia de Santa Maria da Boa Vista, onde um inquérito policial foi instaurado.

Fonte: G1 Petrolina

MP faz buscas em escritório de líder de Bolsonaro na Câmara

Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado do Ministério Público do Paraná e a Polícia Civil cumprem na manhã desta quarta-feira, 16, um mandado de busca e apreensão no escritório do deputado Ricardo Barros (PP) em Maringá, a 430 km da capital, Curitiba. Barros é líder do governo Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados e foi ministro da Saúde do governo Temer, além de prefeito de Maringá.

Segundo os investigadores, ao todo são cumpridos oito mandados de busca e apreensão no âmbito de investigação sobre supostas irregularidades em contratos de energia elétrica e compras de equipamentos no Paraná.

Barros afirmou estar tranquilo e em total colaboração com as investigações do Ministério Público do Paraná. Em nota, o gabinete do deputado informou que "o parlamentar reafirma a sua conduta ilibada e informa que solicitou acesso aos autos do processo para poder prestar mais esclarecimentos à sociedade e iniciar sua defesa." O texto também informa que "Ricardo Barros, relator da Lei de Abuso de Autoridade, repudia o ativismo político do Judiciário".

Fonte: Estadão Conteúdo

PGR abre apuração sobre movimento de funcionários em gabinete de Bolsonaro na Câmara

Foto: Agência Brasil

A Procuradoria-Geral da República (PGR) determinou a abertura de uma apuração preliminar sobre a movimentação de funcionários do gabinete do então deputado Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados.

A Procuradoria vai avaliar se há elementos que indiquem alguma irregularidade nas movimentações salariais, entre os anos de 1991 e 2018, por parte de assessores que trabalharam no escritório do então deputado Jair Bolsonaro.

Bolsonaro não é investigado formalmente. A PGR não tem prazo para concluir a análise do caso.

A decisão do procurador-geral da República, Augusto Aras, foi comunicada ao Supremo Tribunal Federal (STF) após o Ministério Público Federal ter sido provocado a se manifestar a respeito de um pedido de investigação feito por um advogado.

Reportagem do jornal "Folha de São Paulo" publicada em julho deste ano mostrou que funcionários eram exonerados e recontratados no mesmo dia e tinham salários aumentados, o que não impedia que pouco tempo depois tivessem as remunerações reduzidas a menos de metade.

“Ao tomar conhecimento dos fatos descritos na presente petição, foi instaurada notícia de fato [apuração preliminar] no âmbito desta Procuradoria-Geral da República, voltada para a sua averiguação preliminar”, disse o procurador-geral.

Segundo Aras, “na eventualidade de surgirem indícios suficientes de uma possível prática ilícita pelo representado serão adotadas as medidas cabíveis junto a essa Corte suprema”.

Imunidade
Aras avaliou ainda que os fatos não têm relação com o mandato de Bolsonaro, portanto, ele estaria encoberto pela chamada imunidade presidencial temporária, que está prevista na Constituição.

Essa regra estabelece que o presidente da República não pode ser responsabilizado por fatos ocorridos antes de ele assumir a chefia do Executivo – ou seja, que não estejam relacionados ao exercício de suas funções.

“Todavia, observa-se de antemão que a narrativa desenvolvida pelo noticiante abrange fatos, supostamente criminosos, ocorridos entre os anos de 1991 e 2018 que não guardam relação com o exercício do mandato presidencial, iniciado em 1º de janeiro de 2019. Por essa razão, no presente momento está proibida a instauração de processo-crime em face do Presidente da República, haja vista a prerrogativa a que se refere o art. 86, § 4º, da Constituição Federal, que estabelece imunidade temporária à persecução penal”.

Fonte: G1

Plantas 'invadem' apartamentos de prédios residenciais na China

Foto: Reprodução

Os prédios "vegetalizados" de um conjunto residencial no sudoeste da China, com plantas exuberantes nas varandas dos apartamentos, estão sendo cobertos com sua própria vegetação.

O complexo de oito edifícios experimentais foi construído em 2018 na grande cidade de Chengdu, capital da província de Sichuan.

Mas o que foi um sucesso de vendas – os 826 apartamentos disponíveis foram vendidos muito rapidamente, segundo o site da incorporadora – virou uma dor de cabeça para os proprietários.

Mosquitos demais

De acordo com o jornal “Global Times”, apenas 10 famílias se mudaram para o local. Isso porque a densa vegetação trouxe também muitos mosquitos.

A falta de moradores pode explicar as imagens dos edifícios feitas em setembro.

Vídeos mostram que a vegetação parece ter invadido literalmente as varandas e tomado as paredes externas. São raros os apartamentos com plantas bem cuidadas e móveis na varanda.

Fonte: France Presse

Bolsonaro desiste da criação do Renda Brasil

Foto: Alan Santos/PR

Em anúncio nas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro afirmou estar desistindo da criação do programa Renda Brasil. Em vídeo divulgado nesta terça-feira (15), Bolsonaro descartou a possibilidade da criação até o ano de 2022.

“Até 2022, no meu governo, está proibido falar a palavra ‘Renda Brasil’. Vamos continuar com o Bolsa Família e ponto final”, afirmou Bolsonaro em vídeo. 

O programa econômico viria como substituto do Bolsa Família. Para a implementação, o Governo Federal considerava o congelamento de aposentarias para encaixe de orçamento.

Fonte: Portal Folha de Pernambuco

PIS/PASEP: Caixa começa a pagar abono salarial para nascidos em setembro nesta terça-feira

Foto: Reprodução

A Caixa Econômica Federal começa a pagar nesta terça-feira (15), o abono salarial para os trabalhadores nascidos em setembro que ainda não receberam por meio de crédito em conta. Segundo a Caixa, mais de 734 mil trabalhadores nascidos em setembro têm direito ao saque do benefício, totalizando R$ 567 milhões em recursos disponibilizados neste lote.

Para trabalhadores da iniciativa privada, os valores podem ser sacados com o Cartão do Cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas e nos correspondentes Caixa Aqui, além das agências. 

Já para os funcionários públicos, vale o dígito final do número de inscrição do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). A partir desta terça-feira (15), o benefício fica disponível o crédito para inscritos com final 2.

Os trabalhadores que nasceram entre julho e dezembro recebem o abono salarial do PIS ainda neste ano. Os nascidos entre janeiro e junho terão o recurso disponível para saque em 2021.

Os servidores públicos com o final de inscrição do Pasep entre 0 e 4 também recebem neste ano. Já as inscrições com final entre 5 e 9, em 2021. O fechamento do calendário de pagamento do exercício 2020/2021 será no dia 30 de junho de 2021.

Quem tem direito

Tem direito ao abono salarial 2020/2021 o trabalhador inscrito no Programa de Integração Social (PIS) há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2019, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos. Também é necessário que os dados tenham sido informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou eSocial, conforme categoria da empresa.

Recebem o benefício na Caixa os trabalhadores vinculados a entidades e empresas privadas. Em todo o calendário 2020/2021, a Caixa deve disponibilizar R$ 15,8 bilhões para 20,5 milhões trabalhadores.

As pessoas que trabalham no setor público tem inscrição no Pasep e recebem o benefício no Banco do Brasil (BB). Nesse caso, o beneficiário pode optar por realizar transferência (TED) para conta de mesma titularidade em outras instituições financeiras nos terminais de autoatendimento do BB ou no portal www.bb.com.br/pasep, ou ainda efetuar o saque nos caixas das agências. 

Para o exercício atual, o BB identificou abono salarial para 2,7 milhões trabalhadores vinculados ao Pasep, totalizando R$ 2,57 bilhões. Desse montante, aproximadamente 1,2 milhão são correntistas ou poupadores do BB, e aqueles com final de inscrição de 0 a 4 receberam seus créditos em conta antecipadamente no dia 30 de junho, no total de R$ 580 milhões, segundo a instituição financeira.

Abono salarial anterior

Cerca de 2 milhões de trabalhadores que não sacaram o abono salarial do calendário anterior (2019/2020), finalizado em 29 de maio deste ano, ainda podem retirar os valores. O prazo vai até 30 de junho de 2021. O saque pode se felto nos canais de atendimento com cartão e senha Cidadão, ou nas agências da Caixa.

A consulta do direito ao benefício, bem como do valor disponibilizado, pode ser realizada por meio do aplicativo Caixa Trabalhador, pelo atendimento Caixa ao Cidadão (0800 726 0207) e no site.

No caso do Pasep, cerca de 360 mil trabalhadores não sacaram o abono referente ao exercício 2019/2020, pago até 29 de maio deste ano. De acordo com resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat), esses recursos ficam disponíveis para saque por cinco anos, contados do encerramento do exercício.  

Os abonos não sacados são disponibilizados automaticamente para o próximo exercício, sem necessidade de solicitação do trabalhador.

Fonte: Clickpb