Sete policiais militares são presos por suspeita de desvio de carga apreendida em São Gonçalo

Reprodução

Rio - Sete policiais militares do 7º BPM (São Gonçalo), entre eles um oficial, foram presos administrativamente, hoje, pela 4ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM) após a corregedoria receber vídeo mostrando um PM descarregando carga de laticínios, que teria siso apreendida horas antes, no Morro do Castro, em São Gonçalo. O vídeo flagrou o policial militar colocando material em um Gol, no pátio da 2ª Companhia do 7º BPM, na Coruja. Os policiais já tinham apresentado a ocorrência na 73ª DP (Neves), mas há suspeita que parte dessa carga tenha sido desviada. Equipe do GAT Coruja e Mineiro foram presas.

Os policiais foram até a favela após serem contactados para recuperar carga roubada. Ao entrarem na comunidade, na Rua Alameda Estados Unidos, houve tiroteio e um homem foi preso com uma pistola 40. Na mesma rua foi encontrado o caminhão com eletrodomésticos já descarregado e carga também de laticínios. A caminho da 73ª DP, o caminhão deu defeito e foi levado para a 2ª Companhia, onde o PM foi flagrado colocando material dentro de um Gol. O veículo é de Cristian Melo de Araújo, que tem duas passagens pela polícia por tráfico de drogas. Foi ele, segundo informações, quem consertou o caminhão, no entanto, os policiais disseram não saber onde ele está, e Cristian está sendo procurado.

Na delegacia, foram apresentados o preso, uma pistola, cargas de laticínios e eletrodomésticos e um caminhão. A prisão é de 72 horas. Os presos são: capitão Delson Luiz Caetano da Silva, segundo-sargento Cleyman Barbosa da Silva, terceiro-sargento Alex da Silva Gregório, e os cabos Roger Oliveira Silva, Wander Fernando da Silva Ferreira, Gerson Rodrigues da Silva e Jairo Cordeiro Caldas.

Fonte: O Dia / MARIA INEZ MAGALHÃES