Mourão sobre vídeo que defende golpe de 64: “Decisão é do presidente”


O presidente em exercício Hamilton Mourão disse, mesmo sem ter conhecimento do conteúdo, que o vídeo divulgado ontem pelo Palácio do Planalto no qual defende o golpe de 64 partiu de uma decisão de Jair Bolsonaro (PSL). “A decisão é do presidente. Se foi divulgado pelo Planalto, então, é decisão dele”, afirmou.

Em aproximadamente dois minutos, um homem defende a ideia de que a derrubada de João Goulart do poder foi um movimento para conter o avanço do comunismo no país. “O Exército nos salvou. O Exército nos salvou. Não há como negar. E tudo isso aconteceu num dia comum de hoje, um 31 de março. Não dá para mudar a história”, diz.

O vídeo foi distribuído por um número oficial de WhatsApp do Planalto, usado pela Secretaria de Comunicação da Presidência para o envio de mensagens de utilidade pública do governo federal. Ainda não se sabe quem foi o autor das imagens.

Procurada pela imprensa, a comunicação do Planalto afirmou que não sabe a origem da filmagem e da divulgação do vídeo. Informado de que a assessoria desconversou sobre as imagens divulgadas, Mourão não soube reagir. “Bom, então…”, disse, ao encerrar o assunto.

Nesse domingo (31/3), o golpe completou 55 anos. Segundo a Comissão Nacional da Verdade, 434 pessoas foram mortas pela repressão militar ou desapareceram durante a ditadura (1964-1985).

Fonte: Metrópoles/ Natália Lázaro

0 Comments:

Postar um comentário

AJUDAR O BLOG CLIQUE NO ANUNCIO!

Como passar no encurtador Drop link

AJUDAR O BLOG CLIQUE NO ANUNCIO!