Foi na raça! Brasil está na final do Mundial Sub-17

Foto: Alexandre Loureiro/CBF

Foi na raça e na emoção. O Brasil conseguiu a classificação para a final da Copa do Mundo Sub-17 após uma bela vitória contra a França, no Estádio Bezerrão, em Gama, no Distrito Federal. A vitória por 3x2, de virada eliminou a seleção europeia, em um jogo nervoso e emocionante para os jovens brasileiros. Essa será a quinta participação em finais do mundial que Brasil vai participar, e vai em busca do tetracampeonato.

O primeiro tempo foi dominado pela França, que iniciou a partida com uma marcação forte e um ataque entrosado, que foi letal para o time brasileiro. Aos seis minutos de jogo, Kalimuendo-Muinga, aproveitou uma bola lançada e finalizou na saída do goleiro Matheus Donelli, e fez 1x0 para a França. O segundo gol francês foi aos 13 minutos da primeira etapa, quando Mbuku entre dois marcadores, driblou dois defensores brasileiros, e marcou o segundo gol. Com 2x0 no placar, e um Brasil sem muito poder de reação, a partida se encaminhava para uma classificação tranquila da França.

Mas mesmo com a derrota, o intervalo da partida foi fundamental para que o Brasil retomasse a sua atuação na partida. Aos 16 minutos da etapa final o pernambucano Kaio Jorge iniciou a reação, marcando após um escanteio cobrado na área, onde a zaga francesa não conseguiu o corte, e o atacante não desperdiçou a oportunidade, fazendo o primeiro gol brasileiro.

O time da França na segunda etapa aparentou um cansaço, e o time brasileiro viu a oportunidade da vitória. O empate veio aos 30 minutos do segundo tempo, quando Daniel Cabral evitou um contra-ataque francês, e cruzou para Yan finalizar, mas parou no goleiro Zinga, que deu rebote e Veron completou de primeira deixando tudo igual no Bezerrão.

O lance que definiu a classificação brasileira para a final, foi aos 43 minutos da etapa complementar. Em uma falha da defesa da França, onde Lázaro, que entrou no segundo tempo, tirou o marcador e finalizou sem chances para o goleiro.

Agora o Brasil enfrenta o México, no próximo domingo, no mesmo Estádio Bezerrão, às 19h.

Fonte: Folhape / Matheus Jatobá