Homem é assassinado a tiros e filha de 9 anos fica ferida dentro de casa em Ipojuca

 Foto: Reprodução/Google Street View

Um homem de 37 anos foi assassinado e a filha dele, de 9 anos, ficou ferida, em Ipojuca, no Grande Recife, na noite de quinta-feira (23). Segundo a Polícia Civil, dois homens desconhecidos invadiram a casa da família e efetuaram disparos de arma de fogo, quando eles estavam vendo televisão.

Ainda de acordo com a polícia, o homem, que não teve o nome divulgado, morreu dentro da residência, localizada no Engenho Mercês. Ferida no braço, a criança, também não identificada, seguiu para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município. O estado de saúde dela não foi divulgado.

A polícia disse também que no momento da ação dos criminosos havia outras pessoas na casa. Eram a mãe da criança e irmãos dela. Nenhum deles ficou ferido.

Por meio de nota, divulgada nesta sexta-feira (24), a corporação informou que abriu um inquérito para apurar o homicídio e a tentativa de assassinato.

Integrantes da Força-Tarefa da capital estiveram no local dos crimes. O caso foi repassado para a 15ª Delegacia de Polícia de Homicídios (DHP).

Estatísticas
Dados da Secretaria de Defesa Social (SDS) apontaram que em junho deste ano Pernambuco voltou a ter alta no número de assassinatos. Foi a sexta vez que o estado contabilizou aumento da quantidade de crimes deste tipo, em 2020.

A SDS disse que foram registrados 296 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), o que representa um aumento de 17,5% em relação aos 252 casos contabilizados no mesmo mês de 2019.

Considerando os seis primeiros meses do ano, foram 1.961 homicídios. O número é 11,71% maior que os 1.755 casos confirmados entre janeiro e junho de 2019. Todas as regiões do estado tiveram aumento no número de mortes violentas, em junho.

Entretanto, o Recife apresentou diminuição de três casos, saindo de 44 para 41 no sexto mês, na comparação entre 2019 e 2020. A redução foi de 6,8%.

Fonte: G1 PE