Óculos de Gandhi são vendidos por quase R$ 2 milhões em leilão

Foto: Reprodução

Um par de óculos  que pertenceram a Mahatma Gandhi, herói da independência indiana, foram vendidos por 260.000 libras (cerca de 288 mil euros, 340 mil dólares, R$ 1,91 milhões), anunciou a casa de leilões East Bristol Auctions, na Inglaterra. O objeto teria sido doado por Gandhi “em agradecimento por uma boa ação”.

“Encontramos os óculos há apenas quatro semanas em nosso correio, deixados alí por um senhor cujo tio os recebeu do próprio Gandhi. Um resultado incrível para um objeto incrível!” , escreveu no Instagram a casa de leilões, publicando um vídeo da venda realizada na noite de sexta-feira.

O valor dos óculos de lente redonda com aro dourado era estimado entre 10.000 e 15.000 libras (US$14,5 mil e US$ 22,5 mil).  Eles foram deixados em um envelope na caixa de correio da casa de leilões.

“Um dos meus colegas o pegou, rasgou o envelope e encontrou um bilhete que dizia: ‘Esses óculos pertenceram a Gandhi, ligue para mim'”, disse um dos comissários do leilão, Andrew Stowe, à televisão Sky News.

Após um telefonema para o vendedor, “procuramos, investigamos e descobrimos que era uma descoberta histórica … Liguei para o homem, que disse: ‘Se não valem nada, livre-se deles’”, explicou o leiloeiro.

Quando ele descobriu o valor estimado, o vendedor não acreditou, disse o comissário.

O defensor da não violência “muitas vezes deu seus óculos velhos ou que não queria mais para quem precisava deles ou para quem o ajudava”, explicou a casa de leilões em seu site.

O par de óculos foi doado por Gandhi na década de 1920 ao tio do vendedor, que trabalhava para a British Petroleum na África do Sul na época, de acordo com a East Bristol Auctions.

“Eles deveriam ter recebido um agradecimento de Gandhi por uma boa ação”, acrescentou.

Líder pacifista
Mahatma Gandhi, nascido em1869, desempenhou papel crucial na luta da Índia pela independência por meio da resistência não violenta. Ele foi assassinado por um hindu radical em 30 de janeiro de 1948, poucos meses depois da independência do país do domínio britânico.que liderou a resistência pacífica contra o domínio britânico e é considerado o “pai da nação”.

Fonte: Agência O Globo