Pai de Marcio Garcia morre em decorrência da Covid-19

 

Foto: Reprodução

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O pai do ator Marcio Garcia, 50, morreu na noite desta sexta-feira (18) em decorrência da Covid-19. O anúncio foi feito pelo próprio artista, em suas redes sociais, onde pediu oração aos amigos e fãs. Carlos Alberto Tavares Machado estava internado desde o mês passado em um hospital em Juiz de Fora (MG).


Segundo o ator, Machado apresentou melhoras e retrocessos nas últimas semanas, mas acabou não resistindo às complicações causadas pela doença. "Minha fé foi testada mais do que nunca. Às vezes não entendo o propósito de Deus. Mas ele é misericordioso, sábio e age da maneira certa", afirmou Garcia no Instagram.


"Ele já estava muito sofrido. A verdade é que ele já estava sofrendo bastante. Ele teve um AVC, o lado esquerdo já não estava conseguindo mover. Ele voltou a ser intubado, e foi descansar. Mas o que fica é o carinho, o amor, a gratidão eterna que vou sentir por ele", afirmou o ator em um vídeo.


Emocionado e chorando em algumas ocasiões, o ator disse que o pai "foi um exemplo, sempre com uma palavra amiga, responsável. O melhor conselheiro que eu já tive, que eu vou ter, com certeza. Vai deixar muita saudade para todo mundo. Mas eu confio em Deus e sei que Ele fez o que é melhor para o meu pai".


Após a internação do pai, no mês passado, Garcia afirmou que chegou a fazer pouco caso da Covid-19, não achando que era tão grave. "Sempre, claro, tomando meus cuidados. Mas nunca levei tão a sério a doença. Acho que muita gente passa por isso, até ter um caso tão próximo como estou tendo com o meu pai", afirmou na ocasião.


Em meio a agradecimentos pelas orações dos amigos e fãs, o ator pediu que fosse feita mais uma corrente para que o pai faça uma passagem, calma, serena, tranquila, de muita luz. "Que é o que ele merece".


Na semana passada, Garcia chegou a se envolver em uma polêmica, após ser criticado por internautas por defender o irmão DJ Marcello Machado, que anunciou uma festa presencial para cerca de 400 pessoas, no Réveillon. "Achei que era uma festa virtual (...) vou tentar convencê-lo a desistir", chegou a dizer o ator.


Também morreu em decorrência da Covid, nesta semana, a atriz Christina Rodrigues, 57, conhecida pelo programa Zorra. Ela estava internada na enfermaria da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Tijuca com sintomas graves e dificuldades para respirar, e aguardava uma vaga para ser transferida a um leito de CTI (Centro de Terapia Intensiva).


Fonte: Folhapress